Pular para o conteúdo
Início » O que é sutura? Definição, para que serve e situações de necessidade!

O que é sutura? Definição, para que serve e situações de necessidade!

  • por
O que é sutura
Anúncios

O que é sutura? A sutura é uma técnica médica antiga que ainda é utilizada nos dias atuais para unir tecidos separados ou feridos e promover a cicatrização. Seu objetivo é manter os tecidos em contato para permitir sua regeneração e evitar o risco de infecção ou outras complicações.

Neste artigo, vamos abordar o que é sutura e para que ela serve. Também iremos listar cinco situações em que fazer uma sutura é necessário, onde realizá-la e, por fim, destacar sua importância na prática médica. Leia conosco, vamos lá!

O que é sutura?

A sutura é um procedimento médico que consiste em unir os bordos de uma ferida ou corte na pele com pontos, para que a cicatrização ocorra corretamente. Quando a pele é cortada, os seus bordos se afastam, deixando uma ferida aberta, que precisa ser fechada para evitar infecções e para permitir a cura.

  • É profissional da saúde? Então confira aqui o melhor kit de sutura!
Anúncios

A sutura consiste em dar pontos de forma cuidadosa e precisa para que as bordas da ferida sejam unidas novamente.

Existem vários tipos de sutura, sendo as mais utilizadas as suturas mecânicas, feitas com fios ou agulhas, que são removidas após alguns dias, e as suturas adesivas, que utilizam adesivos médicos especiais para fechar a ferida sem a necessidade de pontos.

Para que serve?

A sutura tem várias finalidades, que incluem fechar ferimentos causados por acidentes, cirurgias, partos, entre outros. Sem a sutura, essas feridas ficariam abertas e expostas a possíveis infecções, que poderiam levar a complicações graves ou até mesmo à morte.

Além disso, a sutura pode ajudar na cicatrização e no fechamento de feridas que demoram a cicatrizar ou que ficam inflamadas ou infectadas. Esse procedimento também pode ser usado para a retirada de tumores, lesões ou cistos, além do tratamento de queimaduras.

5 situações em que fazer uma sutura é necessário

1. Ferimentos na pele

Cortes, lacerações, machucados e feridas na pele são as situações mais comuns em que a sutura se faz necessária. Isso ocorre porque, quando a pele é cortada ou perfurada, os bordos se afastam e impedem que a ferida cicatrize por conta própria.

Em casos graves, a sutura pode salvar a vida do paciente, evitando um sangramento excessivo e prevenindo a ação de bactérias.

2. Parto

A sutura é comumente utilizada em partos para fechar as lacerações que podem ocorrer durante a passagem do bebê pelo canal vaginal, especialmente em casos de parto vaginal pélvico, onde a cabeça do feto pode pressionar a região perineal.

Essas lacerações precisam ser suturadas para evitar infecções e para que os tecidos voltem a se unir corretamente.

3. Cirurgias

A sutura é comumente utilizada em cirurgias para fechar a incisão e permitir a cicatrização. Existem diversos tipos de sutura, que variam de acordo com a profundidade do corte, o tipo de tecido envolvido e o objetivo da cirurgia.

4. Queimaduras

Em casos de queimaduras de segundo grau ou mais graves, a sutura pode ser necessária para fechar as feridas e proteger os tecidos subjacentes dos efeitos deletérios do ambiente externo.

5. Lesões musculares ou ligamentares

A sutura pode ser utilizada em casos de lesões musculares ou ligamentares, especialmente quando há uma grande perda de tecido, para permitir a cicatrização e a recuperação dos tecidos afetados.

Onde fazer?

A decisão sobre onde realizar uma sutura depende da gravidade da lesão e varia de acordo com o contexto. Em algumas situações, como nos casos de emergência, a sutura pode ser realizada em qualquer lugar, desde que o médico ou qualquer outro profissional da saúde tenha o material necessário.

Em outros casos, a sutura deve ser realizada em um centro médico, como hospitais, clínicas ou consultórios, com o acompanhamento de um profissional de saúde capacitado. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *