Pular para o conteúdo
Início » Estágios Remunerados: combinando educação e salário

Estágios Remunerados: combinando educação e salário

  • por
Estágios Remunerados
Anúncios

Os estágios remunerados são um ato educativo escolar supervisionado que acontece dentro do ambiente de trabalho. O objetivo é preparar pessoas que frequentam instituições de ensino superior para sua área de atuação.

Eles também podem ser voltados para pessoas que frequentam educação profissional, alunos de ensino médio, alunos de educação especial e aqueles que estão no final do ensino fundamental, dentro da modalidade de jovens e adultos.

É por meio do estágio que as pessoas aprendem as competências de suas atividades profissionais, desenvolvendo o aluno para a vida cidadã e para o mercado. Além disso, o estágio pode ou não ser obrigatório.

Anúncios

O estágio obrigatório é definido no projeto do curso e tem uma carga horária determinada, sendo um requisito essencial para obter o diploma e ser aprovado. Além disso, o estágio obrigatório pode ou não ser remunerado.

Quanto ao estágio não obrigatório, é desenvolvido como uma atividade opcional, tendo carga horária regular e obrigatória. Ele recebe uma contraprestação, como a remuneração, da instituição onde acontece.

Para ajudar quem vai começar a estagiar agora, este artigo vai explicar o que é estágio remunerado, como conseguir um estágio, por que vale a pena, quem pode estagiar e como fazer networking nesse período.

Como é estágio remunerado?

O estágio remunerado, como o próprio nome sugere, é uma atividade profissional diretamente relacionada à formação do estagiário e este é pago para exercer essas funções.

Costuma ser oferecido por organizações que querem reter talentos, uma vez que a prática ajuda a identificar e a aprimorar as habilidades profissionais desde cedo.

Um bom exemplo disso é um estudante de engenharia de produção que é contratado por um fabricante de kit shimano altus 21v como estagiário, e recebe mensalmente um salário para cumprir suas funções.

Como conseguir um estágio?

Para conquistar um estágio remunerado, o estudante pode seguir alguns passos que vão facilitar o processo. São eles:

Fazer um currículo atualizado

Até quem nunca trabalhou pode criar seu currículo e o foco do documento é mostrar as vivências que possam ajudar uma empresa, mesmo que elas não sejam experiências profissionais. Entre as mais comuns estão;

  • Projetos da faculdade;
  • Cursos;
  • Workshops;
  • Palestras;
  • Trabalhos voluntários;
  • Trabalhos informais.

O aluno deve olhar para sua trajetória e incluir tudo aquilo que aprendeu e está disposto a aprender, pois isso vai ajudar a traçar uma carreira profissional bem-sucedida.

Buscar vagas de emprego

Com base no curso académico, o aluno pode começar a procurar vagas de emprego em sites especializados. Eles possuem um filtro que ajuda a encontrar a oportunidade mais adequada, mas também é possível usar nomenclaturas específicas.

Por exemplo, pesquisar uma vaga como auxiliar de produção de concreto fck 25 é uma forma de aplicar termos técnicos que estão relacionados ao objetivo profissional.

Conhecer a cultura da empresa

Toda empresa possui sua própria cultura organizacional e ela está relacionada aos valores pregados pela organização e que são valorizados pelos funcionários.

Em uma empresa que possui um senso de trabalho em equipe muito forte, é provável que profissionais que saibam trabalhar em grupo terão mais facilidade para se destacar no processo seletivo.

Outras organizações podem valorizar mais o perfil cultural do que o perfil técnico, fazendo com que o perfil ideal tenha crenças e valores que estejam de acordo com a companhia.

Isso significa que, além de prestar atenção aos requisitos técnicos de uma vaga de estágio, é importante saber quais são os valores da corporação.

Além de ajudar nos processos seletivos, permite que o estudante encontre uma companhia que realmente combine com ele.

Preparar-se para as entrevistas

As empresas estão cientes que muitas pessoas que estão procurando estágio nunca tiveram contato com o mercado de trabalho, por isso, não é necessário se preocupar com conhecimentos específicos sobre uma área.

Se alguém tiver uma entrevista agendada em uma empresa de lavagem cortina rolo, deve-se planejar com antecedência, descansar o suficiente e se tranquilizar para o momento.

O candidato deve responder às perguntas do recrutador, sem ser muito direto ou sem se alongar demais, buscando ser mais objetivo e contextualizando aquilo que a empresa quer saber.

Vantagens do estágio

Vale a pena fazer estágio por diversas razões, e uma delas é ganhar experiência no mercado de trabalho. Seja qual for a área de atuação do estudante, sempre haverá concorrência na hora de procurar emprego.

Os concorrentes também são pessoas mais experientes e que já passaram por outras companhias, por essa razão, quem já fez estágio cria um diferencial competitivo porque mostra que tem certa experiência em sua área de atuação.

O estágio também é uma forma de colocar em prática tudo aquilo que o aluno aprendeu na faculdade, uma vez que as grades curriculares possuem disciplinas práticas mas que nem sempre são o suficiente para aprender.

Por exemplo, é dentro da organização que o profissional vai aprender a usar um sistema de controle de recebimento e entrega de correspondências, algo que dificilmente é ensinado nas universidades.

Sem falar que, em alguns casos, as situações apresentadas durante o curso são hipotéticas, mas é durante o estágio que o profissional poderá aplicar seu aprendizado em situações reais.

As pessoas também conseguem construir seu networking, uma rede de contatos muito importante para facilitar o posicionamento no mercado de trabalho. O aluno vai conhecer outros profissionais que vão abrir portas para oportunidades na carreira.

Fazer estágio também é a melhor forma de começar a conhecer o mercado de trabalho, pois cada área de atuação tem suas particularidades.

Esse conhecimento não é oferecido na grade curricular do curso, portanto, nada como vivenciar emprego para entender as habilidades que o profissional precisa desenvolver para se destacar.

Além do mais, fazer estágio em uma empresa especializada em logística de transporte de containers vazios é uma oportunidade de ter o próprio dinheiro e investir em cursos que vão aperfeiçoar a profissão.

Quem pode estagiar?

O estágio pode ser aproveitado por qualquer pessoa que esteja frequentando o ensino regular em universidades, instituições de ensino profissional, escolas de ensino médio e escolas de educação especial.

Também podem estagiar os alunos que estão no final do ensino fundamental, dentro da modalidade de educação para jovens e adultos.

Como fazer networking no estágio?

Para fazer networking no estágio, a primeira coisa é conhecer as pessoas que trabalham dentro da empresa e mostrar interesse por suas funções. Além disso, o aluno também precisa valorizar a relação com os colegas de curso.

O maior impedimento para fazer isso é a timidez e a vergonha, mas esses sentimentos devem ser ignorados porque podem impedir uma relação profissional promissora com outras pessoas.

Por exemplo, alguém que está começando um estágio de secretária em um fabricante de divisória naval para banheiro deve traçar estratégias para abordar os colegas no ambiente de trabalho.

É possível conversar com eles na sala de café, durante o almoço e até nas confraternizações para conhecer um pouco mais sobre sua rotina.

Também é importante identificar quem são as superconexões, ou seja, aquelas pessoas que possuem um grande número de contatos profissionais.

Por meio delas, é possível conhecer diversos outros profissionais, tanto dentro quanto fora da área de atuação, como gestores e outros indivíduos que podem apresentar pessoas diferentes em várias situações.

Os estudantes precisam formar uma pequena reserva financeira para participar de encontros profissionais, muito comuns durante happy hours, almoço e jantares. São ocasiões interessantes para criar proximidade e conhecer gente diferente.

Mas é importante entender que o networking envolve trocas, então, além de presentear o supervisor com caneta personalizada com adesivo, também vale a pena trocar conhecimento e ideias.

Nada melhor do que estabelecer uma base benéfica para todos para criar prestígio profissional. Para que a rede realmente dê certo, o estagiário deve pensar no que pode oferecer para as pessoas.

Quem está estudando conhece informações frescas sobre a profissão e isso por si só já é uma forma de valorizar a própria imagem.

O LinkedIn facilitou tudo isso, mas além de adicionar um novo contato, a relação estabelecida precisa ser baseada em confiança mútua.

O gestor de uma distribuidora de cachaça conseguiu alcançar seu cargo porque sempre demonstrou generosidade e interesse pelas relações profissionais.

O estagiário deve estar sempre envolvido nas conversas e perguntar com entusiasmo, pois essa energia positiva ajuda a criar uma rede de contatos duradoura.

Considerações finais

Dentro da sala de aula, o aluno aprende na teoria todos os assuntos relacionados à sua profissão, mas é no estágio que esse aprendizado vira prática.

Estagiar é essencial para conhecer a profissão, entender como é sua rotina e todas as habilidades que precisam ser desenvolvidas ao longo do tempo.

Para os estudantes, mais do que aprender sua profissão, também é uma maneira de fazer novos contatos profissionais.

Além disso, se for estágio remunerado, ainda conseguem a oportunidade de ter o próprio dinheiro e investir ainda mais na carreira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *