Pular para o conteúdo
Início » Como se inserir no mercado de trabalho sem experiência prévia

Como se inserir no mercado de trabalho sem experiência prévia

  • por
experiência previa
Anúncios

Se conseguir uma vaga de emprego já considerado uma tarefa difícil em situações normais, quando se trata de conseguir uma vaga sem experiência prévia, as coisas tendem a piorar. No entanto, está longe de ser uma tarefa impossível, pois, o mercado de trabalho muda de forma constante, e sempre surge novas oportunidades. 

Para este perfil, as vagas mais apropriadas serão sempre as vagas de estágio, mas existem outras opções. Embora seja mais complicado conseguir uma vaga permanente sem experiência em muitos casos, possuir outros diferenciais pode compensar esta “deficiência”. Para ter mais informações de como conseguir se inserir no mercado sem experiência prévia, leia o conteúdo a seguir!

Por que é mais difícil emprego sem experiência prévia?

O fato de ser mais difícil para quem não possui experiência prévia conseguir emprego, é que grande parte das empresas necessitam de profissionais que entrem já prontos para suas determinadas funções. Além disso, existem muitas vagas que possuem a experiência como um pré-requisito. Portanto, quem não possui experiência, nem será considerado para as etapas seguintes do processo seletivo.

Como as pessoas sem experiência prévia são vistas no mercado de trabaho?

Anúncios

De um ponto de vista mais geral, o mercado de trabalho considera que pessoas com pouca ou nenhuma experiência não entendem o trabalho real. Portanto, quando contratados  exigem treinamento e atenção de profissionais já presentes na empresa.

No entanto, o maior problema, é que as empresas nem sempre são capazes de fornecer o tipo de treinamento que profissionais inexperientes podem precisar.

Para uma qualificação mais atraente, hoje, a prática vale mais que um currículo

Quando falamos de prática, é importante não confundi-la com experiência registrada. Para enfatizar esta ideia, um bom exemplo é um chef ou garçom. Mesmo sem usar uma carteira registrada, pode-se dominar a arte de cozinhar e até saber servir corretamente sem nunca ter passado por esta função.

Mas ainda existe a necessidade de entender que as empresas têm apenas um método inicial de separação de currículos, que é ler o que é entregue. Portanto, se você enviar um currículo sem nenhuma informação e apenas inserir “primeiro emprego”, é provável que o currículo seja descartado.

Mesmo com as dificuldades, exitem dicas para conseguir um emprego sem experiência prévia

Quem procura o primeiro emprego encontra-se numa situação muito complicada e contraditória: não consegue emprego porque o principal requisito da empresa é a experiência profissional. Mas, se ninguém lhes oferecer uma chance para o primeiro cargo, também não tem experiência profissional.

No entanto, a situação é comparada com um “beco sem saída”, e muitas pessoas se sentem impotentes e não sabem o que podem fazer para mudar isso. É por isso que estamos aqui para mostrar a você que existem maneiras de impressionar um recrutador, mesmo que você não tenha a experiência prévia necessária em seu currículo. Veja nas dicas a seguir como fazer isso!

Seja a pessoa que, no lugar do recrutador, você contrataria

Você sabe qual é o motivo das empresas dar preferência de contratação a alguém com pelo menos dois anos de experiência? Mesmo que não pareça entre nenhuma experiência e dois anos de experiência, existe uma grande diferença. Além disso, este requisito possui muito peso na avaliação das empresas, pois os primeiros dois ou três anos de vida profissional são essencialmente voltados para o aprendizado. Em outras palavras, para ganhar maturidade e responsabilidade nas relações profissionais.

Então, isso quer dizer que, desde o início, você precisa mostrar que realmente está lá para trabalhar duro, não apenas para fazer conexões, curtir um happy hour ou conhecer novas pessoas.

Veja também:
Quais são as profissões em alta no Brasil?
Conheça as regiões mais afetadas pelo desemprego no Brasil, e se você reside nela!

Encontre outra maneira de mostrar suas habilidades

Quando uma empresa descreve que está procurando por candidatos experientes, não necessariamente diz que só contratará profissionais que já trabalharam antes. Na verdade, o mais importante aqui é se você possui as habilidades necessárias para realizar as tarefas do cargo que eles oferecem. Portanto, existem outras maneiras de mostrar isso!

Descreva suas habilidades – seja em seu currículo ou em uma entrevista – e demonstre de forma concreta que você realmente sabe fazer isso! Então, você pode dar um exemplo do que você teve que fazer em seu trabalho na faculdade semelhante ao requisito exigido na vaga. Além disso, também pé importante destacar o trabalho voluntário em que você está ou esteve envolvido. Por fim, a ajuda que você seu a um amigo e muitas outras possibilidades.

Pesquise as empresas que valorizem as suas competências

A boa notícia é que cada vez mais cresce o número de empresas iniciando o foco nas habilidades (e não apenas na experiência) dos profissionais que desejam contratar.

Então, a ideia de encontrar empresas com esse foco, se trata de uma boa escolha para iniciar sua carreira. Além disso, uma dica iniciar seu currículo baseado em competências.

Como você encontra empresas que procuram habilidades, mas não necessariamente experientes? Fique atento aos anúncios de vagas que já dão uma boa indicação do que a empresa valoriza. Por fim, pergunte sobre o processo seletivo e converse com o RH quando possível.

Não tenha medo ou receio de começar pequeno

Encontre oportunidades de entrada nas empresas que são melhores para você. Tudo bem se a posição for menor do que você deseja, pois, este é seu primeiro emprego, então aceite. Além disso, é importante mostrar ao entrevistador que você quer a vaga justamente para trazer o seu melhor e crescer com a empresa. Uma vez dentro da empresa, faça o seu melhor para mostrar o seu valor.

Comece sendo o seu próprio patrão

Conduza seus projetos pessoais ou junte-se a alguns amigos e faça trabalhos relevantes para a área em que deseja entrar. Além de fazer algo que mostre aos recrutadores que você tem as habilidades que eles procuram em um candidato. Por fim, sempre há uma chance de que sua ideia seja muito boa e você transforme seu projeto em seu trabalho!

Considere as chances de trabalho voluntário

Já destacamos acima que o voluntariado pode agregar valor ao seu currículo e desenvolver muitas das habilidades necessárias para o trabalho remunerado.

Se você não se sentir à vontade para trabalhar sem remuneração, ou se seu primeiro contato com a empresa não for bem-sucedido. Assim, tente se dedicar a algo que você ama para ajudar alguém. Provavelmente é mais valioso do que você pensa, entendeu?

Em geral, a principal lição para quem está começando a carreira é pensar em si mesmo como uma máquina de aprendizado. Portanto, não se orgulhe demais a ponto de parar de estudar ou não querer trabalhar de graça.

Se qualifique

Por fim, temos um dica de muita relevância, invista sempre em cursos. Todos que sejam relevantes para a sua área de atuação tem muita importância. Seja grátis, básico, técnico, pago, não importa a modalidade, pois, conhecimento sempre agrega.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *