Pular para o conteúdo
Início » Wi-fi: como se manter seguro ao se conectar em redes públicas?

Wi-fi: como se manter seguro ao se conectar em redes públicas?

  • por
Wi-fi
Anúncios

Dicas práticas que vão ajudar a proteger o seu dispositivo da ação de criminosos virtuais 

O smartphone está cada dia mais presente em nossas rotinas. Quando ficamos muito tempo fora de casa, é normal que o alto consumo de energia demande a necessidade de carregamento — não é por acaso que saímos com o carregador.

O mesmo acontece quando estamos sem rede 4G e acabamos acessando uma rede de wi-fi público para poder usar a internet. Por isso, carregar o celular e usar redes de wi-fi desconhecidas são duas práticas corriqueiras no dia a dia de um usuário de smartphone.

Riscos no uso de redes públicas

Anúncios

O que poucas pessoas sabem é que o acesso ao wi-fi público pode ser um grande perigo. Geralmente, essas redes não protegidas são usadas como mecanismo de ataque por cibercriminosos.

Redes de cafés, shoppings, hotéis e aeroportos são alvos fáceis de hackers que podem acessar o seu celular, copiar senhas e informações sigilosas, inclusive dados sensíveis e dados bancários.

Os criminosos virtuais costumam ficar atentos a essas redes de wi-fi públicas, interceptando dados e gerando uma verdadeira dor de cabeça para o usuário. 

Como se proteger da ação dos criminosos

O primeiro ponto de atenção quando se fala em segurança na internet é ter o mínimo de conhecimento acerca dos riscos aos quais você está exposto.

Basicamente, conexões de wi-fi pública são desprotegidas, e você precisa ter consciência disso antes de conectar o seu smartphone. 

A regra vale para todos dispositivos

Algumas pessoas acreditam que os criminosos só conseguem acessar os smartphones, porém esse é um dos pensamentos mais equivocados quando falamos em segurança e conexão de dispositivos em redes públicas.

A verdade é que, independentemente do dispositivo, havendo uma conexão, há risco de invasão. Portanto, o cuidado vale para smartphones, tablets, laptops, entre outros. 

Desconfie de links

Você já deve ter ouvido aquela orientação para jamais clicar em links suspeitos, certo? Essa regra também vale para acesso a wi-fi público. Não presuma que o link do wi-fi é legítimo, pois pode ser um link falso configurado por uma pessoa tentando obter informações e dados de usuários desatentos.

Se surgir um link que você não reconhece ou com o qual você não se sente seguro, não acesse. 

Verifique a legitimidade da conexão

Está em dúvida na hora de conectar? Solicite informações a um funcionário do hotel, café ou aeroporto que oferece a rede. Peça informações sobre nome e endereço IP da conexão.

Alguns criminosos configuram links falsos com nomes semelhantes ao do local, induzindo o usuário ao erro. Portanto, a atenção precisa ser redobrada. 

Use VPN 

A VPN é uma rede virtual privada que criptografa os dados que passam pela rede. A utilização desse tipo de mecanismo confere uma camada de proteção ao usuário, já que impede que criminosos virtuais interceptem os seus dados. 

Evite acessar determinados sites e aplicativos

Quando estiver conectado a uma rede pública, evite acessar sites e aplicativos de banco e outras informações sensíveis. Também evite entrar em sites que armazenam suas informações bancárias, como dados de cartão de crédito utilizados em compras. 

Com esse cuidado você minimiza as chances do criminoso conseguir obter suas informações pessoais. 

Use a rede 3G, 4G e 5G

Por fim, se for necessário acessar sites e aplicativos que armazenam informações pessoais e financeiras, utilize a rede do seu celular. Não use conexões públicas para acessar esse tipo de site sob hipótese alguma. 

Com atenção a alguns sinais e prevenção é possível impedir a ação de criminosos virtuais, minimizando as chances de você ter dores de cabeça com acesso indevido a dados bancários, redes sociais e até aplicativos de conversa, como o WhatsApp. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *